Discussão: Dica Literária - Todos nós adorávamos caubóis de Carol Bensimon

No texto da semana, Adonai nos traz o livro “Todos Nós Adorávamos Caubóis” de Carol Bensimon, romance nacional publicado em 2013.


“Eu nunca me conformei com o fato de não poder desejar qualquer uma, mas sim preferencialmente as que se encontravam entre as quatro paredes de um lugar dito gay. Pelo amor de Deus, eu queria me apaixonar na rua e poder contar com um pingo de chance” (BENSIMON, 2013, p.52).

Anos após um término, Cora e Julia retomam o contato para finalmente realizarem uma viagem de carro pelas estradas do sul do Brasil. Durante a faculdade, as mulheres fizeram tantos planos dentro de um relacionamento denso, porém, em uma separação emocional e física, já que Julia deixa o país para viver em Montreal, as ideias, lembranças e o amor são engavetados.

Quando elas sintonizam novamente, existe uma possibilidade de reencontro dentro do carro, entre paisagens da serra sulista, cenário para relembrar o amor e também para acrescentar outras coisas na relação, como o recente ex-namorado americano de Julia e a mais nova esposa muito jovem do pai de Cora. As duas aproveitam as curvas das estradas para buscar novos rumos para suas próprias vidas.

“Discou para o ex-marido. Mesmo atordoada, ela teve a delicadeza de passar pelas perguntas habituais enquanto procurava uma maneira de descrever a cena, a amiga da tua filha deitada na cama, uma calcinha com uma estampa quase infantil, tua filha com a mão na -, a mão por dentro da calcinha dela, eu sempre soube que a Cora ia fazer isso com a gente” (BENSIMON, 2013, p.54).
11 visualizações

Posts recentes

Ver tudo